Géorgia anuncia recontagem manual de votos

Redação Por: Redação

Política Novidades

Publicado em 13/11/2020 11:04h

Géorgia anuncia recontagem manual de votos

Foto reprodução: Uol notícias. 

O secretário de Estado da Geórgia o republicano Brad Raffensperger, determinou que todos os 159 condados conduzam uma recontagem manual e auditem todos os votos registrados nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, uma medida extraordinária em um pleito marcado pelo comparecimento sem precedentes às urnas.

"Com a margem tão estreita, será necessária uma recontagem manual completa em cada condado", confirmou o republicano. 

Na Geórgia, o presidente eleito Joe Biden mantém uma pequena vantagem em relação à Trump. Segundo o secretário, a diferença é de apenas 14.111 votos. Ainda segundo ele, o estado trabalhará com autoridades do condado para concluir a recontagem dentro do prazo de 20 de novembro. 

O secretário também afirmou que irá supervisionar pessoalmente a recontagem de votos. A Geórgia tem 159 condados e sua legislação prevê que, caso a diferença entre os candidatos seja menor do que 0,5 ponto percentual, é possível pedir a recontagem. 

"Isso ajudará a aumentar a confiança. Será um trabalho pesado, mas trabalharemos com os condados para fazer isso a tempo de nossa certificação estadual", declarou Raffensperger.

A entrevista coletiva cedida pelo secretário estadual acontece após o recebimento de uma carta, assinada pela campanha de Trump e do partido republicano da Geórgia, solicitando uma recontagem manual de todas as cédulas recebidas no estado. 

Na carta, os republicanos alegam discrepâncias na votação e erros em toda a Geórgia, embora não tenham apresentado provas de tais irregularidades. 

Questionado pela imprensa, Raffensperger negou que a recontagem anunciada é uma resposta à campanha de Trump.

Com informações: CNN. 

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Nova Timboteua - Blog de Notícias